Nasa e Nokia instalarão tecnologia 4G na Lua em 2022

ANÚNCIO

Nesta semana, a empresa de telecomunicações da Finlândia, Nokia, anunciou que foi escolhida pela Nasa, para instalar a primeira tecnologia 4G na Lua. De acordo com a agência, a visita humana em solo lunar deve ser “sustentável” até 2028.

A previsão de instalação da rede será até o final de 2022, antes que os humanos retornem à Lua em 2024. A companhia privada Intuitive Machines deve construir uma sonda para que o projeto seja instalado à distância.

ANÚNCIO

Para que o ato histórico ocorra, a Nokia recebeu US$ 14,1 milhões do Programa Artemis da Nasa, que entre os seus planos está a ida da primeira mulher à Lua. A empresa finlandesa também afirmou que é possível que a rede 5G rede seja instalada futuramente.

Nasa e Nokia instalarão tecnologia 4G na Lua em 2022
Fonte: (Reprodução/Internet)

Nasa deve deixar a Lua ‘habitável’ para os humanos

Com a inovação será possível que os astronautas tenham as suas missões otimizadas, conseguindo compartilhar dados e informações com mais rapidez. Outra evolução seria na transmissão de vídeos em alta qualidade.

O projeto faz parte dos investimentos da Nasa para que a experiência de retorno à Lua seja cada vez mais tecnológica. US$ 370 milhões já foram investidos em acordos com diversas empresas.

ANÚNCIO

O objetivo final da agência norte-americana é construir uma base lunar sustentável e semi-permanente, para que os astronautas possam passar um maior tempo instalados no satélite natural.

Evolução no espaço e falta de recurso na Terra

No planeta Terra, as redes móveis 4G e 5G são presentes em torres altas para que haja a maior distribuição de internet. A versão pensada para a Lua tem menor alcance, por ser compacta pela adaptação das condições não tão favoráveis do território lunar.

Mesmo com as evoluções de maior distribuição de internet, boa parte da população mundial ainda não tem acesso à rede. Um relatório da empresa americana Cisco apontou que, em 2019, cerca da metade do mundo pôde utilizar o recurso.