Estudo indica que cães são os companheiros mais antigos dos seres humanos

ANÚNCIO

Uma pesquisa publicada recentemente na revista científica Science, analisou DNA de cachorros e revelou que, possivelmente, os animais domésticos foram os mais antigos companheiros dos homens. O estudo constatou a parceria entre homem e cão há 11 mil anos atrás.

Dessa forma, os cães teriam sido domesticados no final da Era do Gelo. O levantamento também apurou que os animais de única espécie foram companheiros dos humanos no hemisfério norte, e após isso distinguiram-se em cinco tipos diferentes.

ANÚNCIO

As primeiras raças eram indígenas, mas durante a era colonial diversas delas foram modificadas e expandidas pela Europa. Mesmo assim existem vestígios das espécies primárias nos outros continentes mundiais.

Estudo indica que cães são os companheiros mais antigos dos seres humanos
Fonte: (Reprodução/Internet)

Pesquisa analisou a descendência de cães continentais

Em análise, pesquisadores internacionais investigaram os genomas de 27 restos mortais dos primeiros cães existentes. Os resultados demonstraram que os primeiros cães europeus são frutos de outros cães do Oriente Médio e dos cães siberianos, o que consagra os animais do continente como diversos.

No entanto, após iniciar-se a Idade do Bronze, uma única linhagem de cachorros se expandiu de modo a substituir os outros tipos de cães já existentes na Europa. Já na América foi possível descobrir que ainda muitas raças mantém um perfil genético de cachorros indígenas. Por exemplo, o Chihuahua tem traços dos cães primários do México.

ANÚNCIO

O levantamento dos cães do Leste Asiático apontou que as espécies chinesas vem de ancestrais da Austrália, como o dingo, e do cão-cantor da Nova Guiné, originário do país situado na Oceania e também na Ásia. 

Cachorros ajudavam humanos na caça

Em entrevista à BBC, o coautor da pesquisa Greger Larson, afirmou que o código genético de cães antigos indica que o companheirismo entre cães e homens é o mais antigo em comparação à relação com outros animais. Entretanto, ainda não foi possível traçar certamente quando o adestramento iniciou-se.

O estudo revelou que supostamente a domesticação começou com lobos, que com a evolução e domesticação, se tornaram um auxílio aos humanos que antes caçavam com as próprias mãos, e a partir disso tiveram o apoio na atividade da sobrevivência.